Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

UFSB no combate ao Aedes aegypti

Publicado: Quarta, 30 de Junho de 2021, 14h13 | Última atualização em Sexta, 27 de Maio de 2022, 13h08 | Acessos: 433

Segundo o Boletim Epidemiológico de Arboviroses Urbanas, houve um aumento no número de casos de Dengue (19.090), Chikungunya (5.153) e Zika (352) no estado da Bahia, no período de 03/01/2021 a 01/05/2021.
.
Diante do período de aumento do número de casos das arboviroses, o Setor de Promoção à Saúde Estudantil, da Coordenação de Qualidade de Vida/PROAF, vem lembrar a todos/as que a Dengue, Chikungunya e Zika são doenças evitáveis e que a prevenção está ao alcance de todos/as.
.
Quer aprender a fazer autovistoria em sua casa?


Assista o vídeo que fizemos para vocês e que está disponível em nosso canal do YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=Z8VNbYLdrW4&list=PLFx045uoKul6HpgSJjoak2uFWNy5_EgGO
.
Referência: Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB). Boletim Epidemiológico 08. Arboviroses urbanas- Semana 17. Secretaria de Saúde do Estado da Bahia. Superintendência de Vigilância e Proteção da Saúde. Diretoria de Vigilância Epidemiológica. - Salvador, 2021.6p.

 

Slide1    Slide2

 

                                                         Slide3

Fim do conteúdo da página