Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Cuidado e escuta permanentes
Início do conteúdo da página

Cuidado e escuta permanentes

Publicado: Sexta, 20 de Agosto de 2021, 12h17 | Última atualização em Sexta, 20 de Agosto de 2021, 12h17 | Acessos: 1892

Cuidado e escuta permanentes

Continuam a todo vapor as ações do “Plantão Psicológico como dispositivo de acolhimento em Saúde Mental durante a pandemia de Covid-19”, projeto de extensão coordenado pela professora doutora Gabriela Andrade, do campus Paulo Freire, em Teixeira de Freitas. Estima-se que já tenham ocorrido cerca de 1.500 atendimentos desde abril do ano passado.

A proposta surgiu como resposta à pandemia da COVID-19, quando foram observados os expressivos impactos na saúde mental de profissionais de saúde e da população em geral, o que demandaria um aumento correspondente por atendimento psicológico, muitas vezes para situações emergenciais.

A ideia é oferecer atendimentos psicológicos emergenciais à comunidade interna e externa da UFSB durante a pandemia, bem como capacitar psicólogos e estudantes de psicologia para essa atividade. Tudo no formato online.

A professora Gabriela explica que o atendimento é pontual, emergencial, e em geral se encerra em uma só sessão, mas sem limite de tempo. Voltado a crises, situações de intenso sofrimento em saúde mental, o atendimento é feito por estagiários de psicologia, sob supervisão de docentes. “Procuramos acolher o sofrimento e buscar recursos internos e externos para lidar com a situação”, explica a professora.

O Plantão Psicológico é um serviço de Psicologia originado no Brasil, que lida diretamente com as situações de crises, com formato viável para ser adotado em situações de calamidade pública. Trata-se de um modo de acolher e responder a demandas em um espaço e tempo definidos, buscando os recursos do próprio usuário e da rede.

Durante o ano de 2020, diversos serviços psicológicos se adaptaram ao formato online, dentre eles o Plantão Psicológico da UFSB, que se configurou como projeto de ensino, pesquisa e extensão em formato online. Podem participar pessoas maiores de 12 anos; no caso de adolescentes é necessária autorização de um responsável por escrito. Para participar, basta entrar em contato pelo chat do site: www.plantaopsi.com.

Instagram: @plantaopsi

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página